0800-600-9595 / 3025-9595

Notícia


Um espaço de inovação ao alcance dos pequenos negócios

Com acompanhamento de consultores, associados podem investir em melhorias e inovação de processos, produtos e serviços no recém-inaugurado Inovus

 

Um espaço colaborativo, com ambientes abertos e que estimulam a inovação e a troca de informações. Assim é o Inovus, criado pela ACIM e Sicoob, inaugurado em 17 de agosto para incentivar a inovação entre as micro e pequenas empresas.

Na reforma recém-concluída do prédio da entidade o novo espaço recebeu destaque no segundo piso. É lá que os micro e pequenos empresários têm acesso a treinamentos, consultorias e experimentação em metodologias ágeis, inclusive com participação gratuita em algumas atividades. “Queremos incentivar a inovação em produtos, processos e serviços”, comenta o presidente da Associação Comercial, Michel Felippe Soares.

Mediante agendamento, as empresas podem desenvolver um Produto Mínimo Viável (MVP) com a ajuda de consultores - o espaço tem a parceria do Sicoob e Sebrae.

Para marcar a inauguração do Inovus, foi realizada cerimônia com a participação de diretores da entidade e autoridades como o vice-prefeito Edson Scabora e secretários municipais, todos respeitando o distanciamento social.

O evento contou com a palestra do educador e especialista em economia digital Gil Giardelli. Ele destacou que vivemos a era do fisital. “É um mundo cada vez mais híbrido entre o físico e a digitalização. Já há leitor de ondas cerebrais para ajudar nas vendas e para ler sonhos. Neste contexto, sai a sobrevivência e entram as emoções. Existem fraldas que avisam se está na hora de serem trocadas e escovas de dentes que usam inteligência artificial”, citou.

 

Inteligência artificial

O especialista destacou ainda a importância das cidades inteligentes, a exemplo de Dubai, e que unem políticas púbicas, empresários e academias em busca da inovação.

Na opinião dele, a sociedade está caminhando para um mundo melhor, e a economia da inteligência artificial trará mais empregos e maiores salários. “De cada emprego fechado pela ruptura digital, abrem-se 2,6 novos. A maioria dos empregos não mudará, serão ressignificados, mas haverá novos trabalhos, como engenheiro de nanorrobôs, arquitetos de novas realidades, terapeuta de empatia artificial e programador de internet das coisas. Antes a gente dividia as pessoas em ciências humanas, exatas e biológicas, e agora precisamos de todas para resolver problemas complexos”, comentou.

Para as pequenas empresas, o especialista recomendou “fazer a gestão do presente, do futuro e da inovação. Temos que entregar valores e experiência. É preciso parar algumas horas para pensar o seu negócio e o de seus concorrentes regionais. Isso não é investimento em tecnologia, é investimento em tempo e no porquê fazer isso, porque há tecnologia no mercado, até gratuitas”.

A cerimônia e a palestra foram transmitidas pelo Youtube da Unicesumar, TV Unicesumar, TV Futura e Facebook da ACIM. O evento de inauguração teve o patrocínio de Sicoob, Sebrae e Unicesumar.



 


ACIM - ASSOC. COM. E EMPRESARIAL DE MARINGÁ, CNPJ 79.129.532/0001-83, RUA BASÍLIO SALTCHUCK, 388 CEP 87.013-190 CENTRO - MARINGÁ PR